Viver

O processo é sempre o mesmo e resume-se nisto: quem não consegue viver de acordo com a sua forma de pensar corre o risco de que o seu pensamento dê uma volta e se adapte à sua nova forma de viver...
(Paulo Geraldo)

Eu

Eu
Eu decidi há muito tempo nunca andar na sombra de alguém Se eu falhei, se eu fui bem sucedida, pelo menos eu vivi como eu acreditei. Não importa o que levem de mim, eles não podem tirar minha dignidade - Whitney Houston - Greatest Love Of All
Hoje eu saí de casa tão feliz, que nem me lembrei que em algumas horas a tristeza bate, me sacode e me faz sentir dores que eu não imaginava que continuavam ali.

Caio Fernando Abreu

Seguidores

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Orgulho e Preconceito

São poucas as pessoas a quem eu realmente quero, e menos ainda aquelas das quais tenho uma boa opinião. Quanto melhor conheço o mundo, menos ele me satisfaz, e cada dia vejo confirmada a minha crença na incoerência de todos os caráteres humanos e na pouca confiança que se pode depositar nas aparências do merito ou do bom senso.
- Jane em Orgulho e preconceito - Jane Austen



Mesmo sem o propósito deliberado de errar, ou de tornar os outros infelizes, pode haver enganos e tristezas. Pouco caso, falta de atenção para com os sentimentos de outras pessoas ou falta de firmeza produzem os mesmos efeitos.
- Lizzy em Orgulho e preconceito - Jane Austen

14 comentários:

Suziley disse...

Forte e profundo. Um bom dia, um bom final de semana Sol, beijos ;)

Hana disse...

Poxa Sol não conhecia esta escritora, adorei, vim deixar meu carinho e meu beijo estalado de bom.
com carinho
Hana

Fernanda disse...

E nem tudo podemos justificar com a nossa imperfeição . Um bom dia Sol

neli araujo disse...

Sol querida,

Sabe que assisti este DVD ontem? É tão linda esta história!
Lindas as palavras que você postou aqui, amiga, principalmente as da Lizzy!!!!

Tenha um ótimo fim de seman, linda!

beijinhos,

neli

Ana Cecília Moura disse...

ADORO esse livro! O filme tb é belíssimo. Boa seleção de texto...

AGENTE FOOSE disse...

Olá Amiga Sol!!!
Tenho esse filme, mas nunca tinha prestado muita atenção neste dialogo. Adorei amiga!!! Adoro a sua sensibilidade para escolher seus textos! Vc está "linkada"!!! Bjs e boa noite!

Cria disse...

Palavras verdadeiras ... Lindo demais, beijos.

Mia disse...

eu não diria melhor :]

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Sol,

Sabe o que acho? Acho fantástico pessoas que leem os livros e marcam as partes mais emocionantes. Isso firma mais a intensidade infiltrada na leitura.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Samantha disse...

Eu não preciso dizer o quanto amo esse livro e filme.
Você presencia o suficiente.
E ultimamente esse pedaço tem caido muito bem a mim:
"São poucas as pessoas a quem eu realmente quero, e menos ainda aquelas das quais tenho uma boa opinião. Quanto melhor conheço o mundo, menos ele me satisfaz..."
Te amo mãe.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Ótima lembrança, Sol! Parabéns pela postagem! Gostei muito!
Minha querida, venho também agradecer-lhe muito por todos estes dias.
Beijos imensos*****
Gosto muito de você, saiba disso. Não venho muito porque não estou bem>

"O valor das coisas não está no tempo em que elas duram,
mas na intensidade com que acontecem.
Por isso existem momentos inesquecíveis,
coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis".
Fernando Pessoa.

Bom fim de Domingo.
Renata

Hana disse...

Amiga vim te ler, mas este post já vi, então vasculheio e levei umas poesias, e me conta o que anda fazendo, ta muito corrido aiiiii, beijos
com carinho
Hana

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, Bom Dia Sol!
Vim dizer-lhe que é bem-vinda no eu e daí, sem precisar acompanhá-lo. Se um dia quiser comentar, fique à vontade. Por incrível que pareça, a sua palavra, pra mim, é um das pouquíssimas em que não hesito quanto à sua sinceridade.
Beijos*
Renata

Benjamin disse...

Penso no ostracismo, tento na sociedade, morro no anonimato, gosto da solidão, amo você.
bjux.